CURSO DE DIREITO DA FISUL DISCUTE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA COM INTEGRANTES DO MAIS MARIAS

A disciplina de Temas Contemporâneos e Direito Humanos VII, do curso de Direito da Faculdade FISUL, contou nesta terça-feira, 14, com a participação de integrantes do “Projeto Mais Marias”, da OAB Garibaldi/Carlos Barbosa, que presta atendimento jurídico de forma voluntária a mulheres vítimas de violência doméstica e familiar.  Participaram do encontro a presidente da Comissão da Mulher Advogada da OAB da Subseção Garibaldi/Carlos Barbosa, Katia Colombo, a presidente Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Garibaldi (COMDIM) e integrante do Mais Marias, Janaína Afonso Sartori e Karina Bona, coordenadora do Projeto Mais Marias.  

De acordo com Katia temas como violência psicológica, a aplicação da Lei Maria da Penha e o papel da mulher na sociedade precisam ser discutidos e compartilhados como forma de encorajar as mulheres a denunciarem situações de violência. “Só através do empoderamento da mulher, teremos uma sociedade com equidade de gênero. A mulher precisa ter poder sobre si”, afirma a advogada.  A coordenadora do Mais Marias, Karina, ressaltou que há dois anos o projeto atua no acolhimento, na orientação jurídica e no acompanhamento das audiências. “A ideia surgiu da necessidade de amparar as vítimas, que em muitos casos no momento da audiência, não tinham um acolhimento devido, do que realmente fazer naquele momento”, explica.

Para a coordenadora do Curso de Direito, Vera Lucia Della Valle Biolchi, a participação do “Mais Marias” teve o objetivo de ilustrar o conteúdo da disciplina que trabalha, dentre outras, com questões de gênero. Assim, os acadêmicos puderam debater com quem, na prática, busca enfrentar a violência que vitima mulheres, em todos os níveis da sociedade.
 

Outras Notícias